Maquiagem das Belas.

url('http://img5.imageshack.us/img5/3038/cabbb.png')

23 de abr de 2013

Tatuagem: cuidados e significados



Olá meninas, tudo bem com vocês??? Espero que sim.


Eu sou uma amante da tatuagem e seus significados.
Sei que posso virar um gibi ambulante, mas não estou nem ai, eu gosto e pronto (na verdade eu não ligo pros comentários maldosos).
Mas tatuagem não é brincadeira, tem que cuidar bem ou então você acaba com um “machucado” pra vida toda.


Como cuidar?

Primeiramente, siga sempre as recomendações do seu tatuador!

Mas alguns dos cuidados básicos são os seguintes:
Lave sua tatuagem com sabão neutro e água fria, enquanto ela não cicatriza. Na hora de secá-la, não esfregue o local, apenas encoste a toalha suavemente, para que a água seja absorvida. Também não coce a tatuagem, nem arranque a casquinha que irá se formar no período de cicatrização.

Nos primeiros dias, evite sol, sauna, banho de mar ou piscina.

Depois que sua tatuagem já estiver cicatrizada, utilize bloqueador solar para protegê-la.


Costuma-se recomendar a suspensão de alimentos:
  • muito gordurosos
  • frutos do mar
  • comida japonesa
  • pimentas
  • carne de porco

Infelizmente eu não posso fazer todas que eu quero pois sou assalariada e não é em todo lugar que aceitam pessoas tatuadas, infelizmente esse preconceito ainda vai durar muuuito. Eu tenho 4 tatuagens mas queria ter umas 20 hahahahhaa eu amo mesmo, a dor as vezes não ajuda muito mas quando você vê pronta a dor some. Meu objetivo em relação a tatuagem perfeita é uma Gueixa nas costas inteira. Lembro de quando fui fazer a primeira, eu suava e tremia de medo mas quando o tatuador começou eu perguntei “Quando você vai começar ?” e ele respondeu “Mas eu já comecei.” A dor não é tão insuportável, claro que em alguns lugares a dor é inevitável como na costela e no pé, mas vai da sua vontade de querer aquela arte. Sim, pra mim a tatuagem é uma arte e eu valorizo muito bons trabalhos e quero poder ser tatuada por tatuadores e tatuadoras diferentes, acho essa uma forma de poder usar meu corpo como uma tela para vários artistas mostrarem seu trabalho de uma forma que eu vou amar.


Vou deixar o significado de 3 desenhos que eu gosto muito!

Gueixa



A palavra “gueixa” significa “pessoa das artes“. No Japão elas eram contratadas para entreter os homens com dança, servindo chá e cantando, elas existiam em maior quantidade nos séculos 18 e 19, hoje em dia são raras mas ainda existem, e seguem as tradições originais no Japão.

Elas são símbolo de beleza, delicadeza e educação. São objeto de desejo, seu tempo custa caro e é para poucos. Por isso são temas tão almejados em tatuagem: representam uma mulher ideal, forte, delicada, inteligente.


Borboleta



Aos amantes de história: para os gregos, elas representam a imortalidade da alma. A mitologia dizia que, assim que uma pessoa morresse, sua alma saía do seu corpo em forma de borboleta.

No oriente, a figura da nossa cara amiga alada tem uma conotação mais feminina e representa a mulher na sua totalidade, por sua delicadeza e dinamismo.


Hannyas



“Com a mistura de significados, muitos passaram a ver hannyas como amuletos contra maus agouros, sentimentos negativos dos outros e nossos próprios demônios. Ao invés de estimular o mal de outrem, elas resguardariam os portadores da imagem. hannyas são um dos tipos de máscaras que representam diferentes humores e identidades das personagens (sim, mulheres).” Fonte:www.tattootatuagem.com.br


Rosas



Rosa branca significa a pureza;

Rosa vermelha simboliza a paixão;

Rosa cor de rosa representa o amor saudável, amor idílico e puro;

Rosa amarela é o símbolo da amizade e da capacidade de comunicação;

Rosa azul é o desejo de atingir o impossível, devido à sua raridade;

Rosa dourada simboliza os sonhos e os desejos humanos.

As minhas tattos



Espero que tenham gostado!!
Até o próximo post!!


19 de abr de 2013

Unhas da semana: Yes (Chuvisco)

Olá, belas!!

O esmalte dessa semana é um dos lançamentos da coleção de inverno da Yes Cosmetics.



Eu AMEI a cor!

É um fundo preto com brilhos dourado/amarelo e um reflexo esverdeado. 

É uma mistura que deu certo! Rss


 

Duas camadas foram suficientes para a cobertura ficar impecável.
É fácil de aplicar e dura horrores!!
Estou usando há 9 dias e agora que começou a sair as pontinhas. 

Usei o top coat da Kiko!


O preço é R$ 6,90 e vocês podem encontrar AQUI.

Ou com revendedoras da marca e lojas físicas, por R$ 5,90 até a virada do catálogo. 

Para as meninas de Catanduva e região a loja da Yes agora está no Garden Shopping!!!



10 de abr de 2013

Meu emagrecimento: atualização e nova dieta

foto: www.vox90.com
Olá meninas..como vocês tem passado??
Estou aqui novamente para falar sobre o meu emagrecimento.
No primeiro e último post que eu fiz falando sobre isso (aqui) eu disse que no ano de 2012 eu não emagreci nenhuma grama (snif, snif, snif), mas pelo menos eu também não engordei.
Quando 2013 se iniciou eu decidi retomar a minha dieta e fazer tudo certinho para conseguir chegar ao meu objetivo final - #rumoaosmenos10kg
Porém, o ano começou, 3 meses se passaram e eu não conseguia emagrecer. Com isso, resolvi voltar na minha médica (fui lá semana passada dia 03/04) para ver o que eu estava fazendo de errado e se estava com algum problema (fiz exames de sangue para verificar como estão as coisas).
Antes de começar a falar sobre a dieta que ela me passou vamos aos número! No dia que  eu fui lá eu estava (digo estava porque provavelmente eu já emagreci um pouco) com:

  • PESO: 89,2 KG
  • ALTURA: 1,72 

Contando da minha alimentação ela me disse que eu tenho hábitos alimentares bem saudáveis (ponto positivo), mas eu estava comendo tudo em grandes quantidades o que estava atrapalhando eu emagrecer mais (por ex: de manha eu fazia dois lanches por causa do meu horário de trabalho que torna esse período mais longo, e ainda eu fazia um café da manha reforçado - os lanches da manha eram frutas).
Conversa vai conversa vem, e ela me passou a minha dieta que segue abaixo:

CAFÉ DA MANHA

  • Chá ou café (com adoçante) - à vontade
  • 1 copo americano de leite desnatado 
  • 2 bolachas água e sal ou 2 torradas ou 1/2 pão francês com 1 colher de chá de margarina light/requeijão ligth  ou 1 fatia de pão de forma integral
LANCHE
  • 2 frutas, sendo que uma é para as 9:00 da manhã e a outra é para o 12:00 (essa fruta do meio dia eu to comendo somente se eu estiver com muita fome já que meu horário de almoço é as 13:00 hrs)
ALMOÇO
  • Verduras de folhas
  • Legumes (menos batata, mandioca, etc.)
  • Carne magra: 1 bife médio de vaca ou 2 pedaços de carne de panela ou 2 colheres de sopa de carne moída ou 2 pedaços de frango ou 1 filé de peixe/frango ou 1 ovo cozido ou mexido.
  • 3 colheres de sopa de arroz
  • 2 colheres de sopa de fejão
  • sobremesa: 1 fruta ou 1 copo de suco ou 1 gelatina diet
LANCHE DA TARDE
  • Escolher 2 itens dentre: 1 copo de leite ou 1 fatia de queijo fresco ou 1 iogurte light ou 1 fruta ou 1 copo de suco ou 3 bolachas água e sal ou 3 torradas ou 1/2 pão francês ou 3 bolaches de maisena ou 1 barra de ceral light ou 1 xícara de café de uva passa ou 2 nozes ou 1/2 batata doce (que eu como antes de treinar)
JANTAR
  • Igual ao almoço ou 1 lanche natural (feito em casa - depois passo a receita que ela me passou) ou 2 pratos de sopa de legumes (sem queijo ralado)
CEIA
  • 1 copo de leite ou 1 fruta

foto: www.saboridades.net
Viram?! Não é difícil não é mesmo?! O mais difícil é manter isso no final de semana, mas meu primeiro fds de dieta foi um sucesso !!!!! O negócio é não encarar isso como uma dieta e sim como uma nova alimentação (e para mim não é tão nova assim, pois estou comendo coisas que já comia antes, só que agora estou "organizando" corretamente) que só fará bem e trará benefícios. O legal é ir mudando os hábitos alimentares. Com o tempo a nova alimentação (mais saudável) passa a ser tão fácil de ser seguida e o bem-estar é tanto que ela torna-se um hábito #fato.

Vale lembrar que essa alimentação com essas quantidades foi montada de acordo com minha rotina diária, minhas atividades, com o que eu gosto de comer e o que eu não gosto, com a valor certo de calorias que uma dieta tem que ter para que eu consiga eliminar uns kilinhos! Portanto amiga se você pensa em começar a fazer uma dieta e quer eliminar uns kilinhos assim como eu procure o(a) seu(sua) médico(a), pois com orientação adequada tudo fica mais fácil, e o que serve para mim nem sempre servirá para você ok?!

Por hoje é só!

9 de abr de 2013

Tendência: moda barroca

Assim como o próprio nome já diz a moda barroca tem suas influências no período barroco (#momentoooohhhhhhh) e com certeza vamos encontrar muitas peças seguindo essa tendência no outono/inverno de 2013!
Falando um pouco de história, o Barroco foi a época que deu continuidade ao Renascimento, e é caracterizado pelo esplendor exuberante, ao contrário do Renascimento que buscava mais o equilíbrio. Traduzindo esse conceito para moda atual muitos estilistas criaram peças remetendo a essa época. Muitas cores de contrastes podem ser vistas e muitos bordados também, com materiais brilhantes e chamativos. 


As peças abusam dos detalhes metalizados, apliques de renda, fundos escuro e cores bem marcantes, perfeita para nós brasileiras né?! #todasamamcores

Vamos nos inspirar?!





Achei os looks compostos com essa tendência muito deusos! Quero muito alguma peça com detalhes em dourado e fundo preto (acho chic) como essas ai acima! #ehmtoouro #inshallah rsrsrs

E ai..quem já aderiu a essa tendência??




8 de abr de 2013

Dieta Alcalina, a queridinha das famosas



Olá, lindas!

Uma nova dieta tem se tornado a queridinha entre as famosas, a chamada Detox ou Dieta Alcalina. 

Conquistou muitas seguidoras e parece ser uma das dietas mais eficazes até hoje. É baseada em consumir alimentos com baixo nível de acidez como espinafre cru, abacate, castanhas, óleo de linhaça, peixes de água fria, brócolis, azeite de oliva e outros.


A dieta tem uma proposta vegetariana, mas aos poucos você pode comer carne branca e com menos gordura.

O importante é se reeducar não só pela perda de peso mas pela saúde já que a dieta ajuda a eliminar as toxinas acumuladas durante anos e responsáveis por fadiga, dores de cabeça, mau-humor e excesso de peso.

A explicação da Dieta Alcalina


O sangue tem pH neutro (pH próximo ao 7). Os alimentos mais ácidos (com pH mais baixo que 7) acabam tirando sua a reserva de oxigênio. A dieta alcalina visa manter o pH corporal entre 7,35 e 7,45, mantendo ótimos níveis de oxigênio e fazendo com que assim o corpo fique mais saudável e você com mais disposição.O plano alimentar é vegetariano e tem a missão de manter o pH corporal equilibrado. A Dieta Alcalina é baseada no livro “Honestly Healthy” (ao pé da letra, “Honestamente Saudável”), escrito por Natasha Corrett e Vicki Edgson.


A dieta rabalha como uma balança, que libera a ingestão de alimentos que possuam cálcio, magnésio, potássio e sódio (minerais alcalinos). Mas é preciso evitar qualquer coisa que tenha muito ácido, como chocolates, refrigerantes e também carne, açúcar, cafeína, condimentos, massas e arroz branco. 

O resultado é uma melhora na digestão, imunidade, humor, equilíbrio dos hormônios, aumento da energia e concentração.

“A proposta é que o programa alimentar seja incorporado em seu lifestyle, não apenas como uma dieta temporária, então você deve segui-lo a risca apenas 70% do tempo. Nos outros 30% você pode comer de tudo , incluindo pizza e vinho.” Diz a autora. 

A autora do livro conta que antes de escrevê-lo, ela mesma chegou a perder 13kg seguindo esta dieta.

Vale lembrar que o melhor hidratante é a ÁGUA e que uma atividade física é indispensável.




Parece que essa dieta é mesmo eficaz e se formos parar pra pensar, nem é tão difícil assim. Afinal, pelo nosso bem estar e principalmente nossa saúde, vale o esforço!



Beijos, e até o próximo post!!






5 de abr de 2013

PARIS

Escolhi falar esta vez de Paris. Não deveria nem existir justificativa para escolher Paris, mas, na verdade, eu tenho sim, algumas. Primeiramente, porque eu acho que foi bem injusta no post que escrevi quando fui pra lá. Estava tão contente de voltar pra minha "casa" em Glasgow, depois de três meses na Espanha que citei a passagem por Paris como um summer camp e nem se quer entrei em detalhes que fazem deste destino um dos favoritos no mundo todo.


Graças as fotos, pude hoje relembrar alguns dos melhores momentos na capital francesa. Já fui duas vezes a Paris, uma no inverno, que foi quando vi a neve, a Disney, a Europa, os franceses, turistas de tudo quanto é lugar, andei de avião, tudo isso pela primeira vez... Uma série de primeiras experiências que, apesar de muito menina, foi graças a essa viagem que hoje sou um tanto do que sou (louca, mas feliz :P).

A segunda vez, ano passado, fui no verão, com duas amigas que vieram especialmente do Brasil para viajarem comigo. Regada à aventura, vinho tinto e exclusividades do universo feminino, de fato, essa viagem foi sensacional.

Chegamos de tarde em Paris, em um dia de sol e calor. Eu me lembro da menina russa que conheci no ônibus e morava na Embaixada em Paris tentando me ajudar e as minhas amigas (acostumadas com o perigo no Brasil) com medo de que ela fosse nos assaltar. Por fim, ela só falou em francês na bilheteria, para comprar nossos bilhetes de metrô. Eu ainda lembro que a gente se perdeu pra achar o nosso Airbn e eu deixei minhas amigas do jardim do francês de meia idade Emílie, para tentar telefonar. Quando, finalmente, consegui telefonar em uma lanchonete de argelianos, elas já haviam encontrado o Emílie e já estavam me esperando a salvo. Fora a distância do centro de Paris, a estância na pequena casa de pouso do Emílie e sua esposa, foi bem agradável e tranquila. As nossas andanças foram fantásticas e todo o glamour parisiense pousou sobre nós esses seis dias (Seis? Corrijam-me se estiver enganada) em que estivemos na cidade-luz.

Lugares

 

Nem me lembro como fiz o roteiro, acho que na verdade olhei na Internet para relembrar um pouco do que já conhecia e fui selecionando alguns desses lugares. Na verdade, montar roteiro de viagem em Paris é algo muito fácil. Tem tanta coisa e é tudo tão famoso que qualquer um pode se habilitar. Mas vamos lá, recomendo: 

Champs

- Av Champs Elysées, que é tipo uma Av. Paulista assim muito mais incrementada, onde se encontra o famoso Arco do Triunfo. Aqui é onde a vida acontece, pra encher a sacola de apetrechos franceses, tem lojinhas para todos os bolsos (lembrando que se você foi pra Paris, foi pra gastar em euros né?! Torra-torra não vai ter) e gostos.



Louvre


- Museu do Louvre, construído em 1.190, foi uma fortaleza imperial e além de obras que valem a pena ver antes de morrer, como a "Monalisa" do da Vinci, tem uma arquitetura na minha opinião: MARA. Eu também gosto muito das pirâmides de vidro, que muitos franceses detestam pelo estilo moderno. Ah, amo também aquela estátua sem braço, a Vênus de Milo.



Torre Eiffel


-  Torre Eiffel, construída por Gustave Eiffel para a Exposição Mundial de 1889, centenário da Revolução Francesa, com 318 metros 10.100 toneladas, é o monumento mais lembrado no mundo e o mais visitado da Europa! Muita gente diz: "Se você não subiu na Torre Eiffel, você não foi à Paris..." Então, fica a dica, SUBA, mas prepare-se para a filinha básica. Eu que odeio filas, recomendo um revezamento. Enquanto uma ficava na fila, duas iam comer crepe, enquanto a outra voltava, duas iam comer cachorro-quente, e na terceira rodada, fotos e sorvete. Passou rapidinho e a vista valeu muito a pena!



Montmartre, Moulin Rouge e Sacré-Coeur



Montmartre e seus bares e ruas agradáveis, eu particularmente ADORO essa região. É lá que fica o restaurante da Amélie Poulain, o Moulin Rouge e o Chat Noir... As ruas são lindas e se continuar andando você chega até a imponente Sacré - Coeur, que é um dos pontos mais belos da cidade. Foi lá também que a minha amiga Érica conseguiu um negocião no comércio de torres chaveiro e trouxe um milhão de torrinhas por 1 euro. (Brincadeira, mas ela conseguiu um super deal e levou tudo por quase nada).



O resto

- Pra não ficar um post muito longo, vou apenas citar outros pontos essenciais. Lembrando que você pode sempre saber mais colocando a palavrinha mágica no bom e velho Google:

Notre Dame à beira do Sena (onde fica o corcunda gente!!! Mas ele não está mais lá), Château  de  Versailles (jardinzinho igual o da minha casa), Les  Invalides (onde Napoleão perdeu as botas, ou melhor deixou) a igreja de la Madeleine (fofíssima), Place   Vendôme (glamour), Place  de  La Concorde (glamour 2).



Ainda mais

- Pra quem quiser mais detalhes, esse link: resume todos os Passeios imperdíveis! http://www.vamosparaparis.com/passeios.htm 
Esse aqui: Os Museushttp://www.vamosparaparis.com/museus.htm e esse aqui: tudo o mais que você quiser buscar http://www.vamosparaparis.com/index.html (espero!).



Cemitério


- Apenas para incluir; um passeio curioso, porém muito buscado que nós fomos, foi no cemitério do Père-Lachaise, ali jaz alguns nomes muito chiques como o Balzac, o Oscar Wilde, o La Fontaine, o Proust, o Allan Kardec, o Jim Morrison e a Édith Piaf (Se você nunca ouviu falar desse pessoal, principalmente da Edith, tá na hora de fazer uma busquinha hein? Cabeça não foi feita só pra shampoo e maquiagem!). Curioso, mas se tiver de lua de mel, deleta. Não vai levar sua viagem romântica pro cemitério né?!



Gastronomia



Boutiques e restaurantes fazem o programa inesquecível! Pra ser sincera, não foi nada difícil encontrar lugares bons para comer, o difícil mesmo foi encontrar preços acessíveis. Se preparem para deixar praticamente um dia do seu salário por alimentação em Paris... Desde italianos básicos, até os que servem culinária local, a qualidade é excelente. Diferente de outras capitais onde você encontra comida não tão boa, porém mais barata, a terra dos franceses pareceu-me priorizar qualidade. E como tirar a barriga da miséria também é importante, não deixem de provar os famosos crepes de quiosque, sorvetes, pães, massas e tudo o que tiver vontade. 
Um dia em que fomos assistir a Eurocopa com um francês que trabalhou comigo em Glasgow, perto da Notre Dame, experimentei um pato assado muito bom. Esse colega pediu o famoso foie gras (se não sabe o que é, talvez seja melhor não saber) que eu estava sem coragem de pedir, mas experimentei um tequinho do prato dele e gostei, então se você for aventureira, vai fundo. 
Nós também fomos à loucura pelos macarons, que eu, lindamente, apelidei-os de "marrones". Não tem nada a ver com macarrão, marron ou o cantor da dupla sertaneja. Os macarons são uns docinhos simpáticos que enfeitam inúmeras vitrines de Paris. A simpatia acaba na cor e no formato. Tem umas padarias tão chiques que dá medo até de olhar. Em uma padaria, das mais simplescas, pagamos uma pequena fortuna por seis petits docinhos. Lembro que comentei que um CD duplo da Piaf estava mais barato que os macarons e por isso comprei, só de pena! Mas é gostoso, parece um suspiro com uma melequinha saborosa dentro...



Estilo


Tópico que criei por conta do Make Delle Belle, mas que não vou mentir, estou achando divertido, com cabelos encaracolados e estilo verão, no dia da Torre e Champs, estava com um macacão jeans da Lee e brincos de bola vermelhos (não encontrei nenhuma foto boa, mas juro que estava legalzinho). Em Montmartre, um dia de shortinho, havaianas e uma blusa que comprei na Espanha com uns detalhes que parecem renda na gola, da Stradivarius (reparem no estilo ao lado da lambreta). E, por fim, fui no Louvre com uma pequena aquisição de um ateliê em Paris, essa blusa azul de tricô e renda que achei linda e paguei apenas 10 euros com um cachecol da Zara, aquisição Madrid.



Gostou?


Leia também o primeiro post em parceria com o Make Delle Belle: http://makedellebelle.blogspot.co.uk/2013/02/pe-na-estrada-comece-pensar-no-local.html


E me sigam no blog: bancodedadossa.blogspot.com

Beijocas! Qualquer coisa, perguntem sempre. :)

2 de abr de 2013

Meu emagrecimento


Olá meninas..tudo bem com vocês??
Hoje o post é um pouquinho diferente. 
Vou falar sobre meu emagrecimento.

Vejo muitas blogueiras por ai postando fotos delas indo para a academia, na academia, depois da academia....éééé ta todo mundo se cuidando (isso é muito legal!)

Com tantos posts sobre eliminar os benditos kilos a mais, posts de receitas lights, protéicas e tudo mais que encontro por ai achei que já tava na hora de compartilhar a minha experiência com vocês (se todo mundo posta e fala porque eu não, né?!), e para isso vamos começar com um pouco de história! Vamos do começo. Falar de como foi que eu cheguei no meus 117 kilos e 300 gramas!

Na minha época da faculdade eu morei em Campinas (aiiii q saudade =///) e quando me mudei para lá meu peso era igual ao que eu estou hoje. Sempre fui de fazer academia e mesmo no meu mais elevado grau de gordura - rsrsrs - eu fazia academia. Já fiz judô, jiu-jitsu, body isso, body aquilo, spinning... Enfim, sempre gostei muito de exercitar, mas sempre gostei muito de comer também!

Morei em Campinas por 4 anos e no começo do meu último ano lá (foi em 2010) eu enfiei o pé na jaca! Comi tudo o que eu tinha direito e tudo em grandes quantidades. O engraçado é que eu fui engordando, engordando, engordando, mas eu não me via gorda. Eu me olhava no espelho e me sentia bem, normal! Só que as calças não estavam mais servindo. As únicas 4 calças jeans que me restavam estavam todas remendadas porque as amigas rasgavam no meio da perna (quem já passou por isso sabe do que eu to falando) e eu me recusava a comprar um número maior. 

Certo dia resolvi me pesar. Lembro que eu estava com 103,9 kg. Nesse momento eu pensei: "Ah, daqui a pouco eu faço uma dietinha e volto pra casa dos noventa", e continuei a comer!!! 

O tempo passou e um dia resolvi me pesar e choquei. Quase tive um ataque epilético a hora que eu vi os números brilhando na minha face. 117,3kg e eu não conseguia acreditar! Como eu tinha me deixado chegar naquele estado? E essa pergunta não me saia da cabeça. Foi um susto, mas também foi o começo de tudo!

Comecei minha saga de eliminar os kilos a mais (e eram muitos) em Julho de 2010. Na época eu estava fazendo um tratamento para a pele que me impedia de beber e isso foi um fato que me ajudou muito, pois eu não bebi durante o tratamento todo e parar de beber me ajudou demais no emagrecimento. 

Comecei minha dieta cortando os carboidratos (fiquei sem carbo por 15 dias) e pra mim deu super certo porque a perca de peso foi mais rápida no começo - sim eu tinha medo de demora pra emagrecer e desanimar.

Depois dos 15 dias sem carbo eu inclui uma frutinha como lanche da tarde e fui maneirando, reeducando minha alimentação, fazendo compensações e muito exercício.

De julho de 2010 para Dezembro do mesmo ano eu perdi 20 kg.

Já em 2011 eu perdi mais 10kg.

TOTAL DE KILOS ELIMINADOS = 30

Em 2012 eu não perdi nada!! Rsrsrs. É gente chega uma hora que não vai e fica muito difícil perder mais kilos, mas isso está prestes a mudar porque já marquei retorno na minha médica e com muita força de vontade e esforço vou conseguir eliminar mais 10kg, que desde o começo era minha meta! #rumoamenos10

Abaixo seguem fotos para vocês verem o meu antes (não se assustem) e o meu atual.

Infelizmente, não tenho muitas fotos de corpo do meu antes (é compreensível que eu odiava fotos por inteiro neh?!) e do depois também não tenho muitas não, mas pelo rosto já dá para ter uma noção!

ANTES

Quando tirei essa foto eu já estava nos 117,3kg (Jesuis apaga a luz)

Aqui nessa foto eu já tinha começado a emagrecer

DEPOIS




 Essas 3 fotos do depois eu estou com meu peso atual que no momento oscila entre 87 e 89 kg!

Uma dica: sempre que estou meio desmotivada eu dou uma olhada pela blogosfera. Tem uns blogs muito legais de pessoas que assim como eu venceram a luta conta a balança e ainda estão lutando.

Vou deixar os links para acessá-los logo abaixo:



#ficaadica. Acompanhar essas meninas dá muita motivação!

Até o próximo post!!